Como um feixe de luz atravessando
um brilhante,
cores,linhas e formas traduzem-se em
emoção.
Isso é Arte

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

No momento

Correm os meus dedos longos
Em versos tristes que invento...(Cecília Meireles)
No momento não sei inventar
No momento não sei escrever
No momento não sei pintar
Parece que toda obra criadora
foi retirada de mim.
Eu,comigo,apenas...
Tento tecer formas,e preencher
de cor o negro e o branco.
Mas no momento vejo apenas
palavras.
Teço palavras em lugar de formas
Vejo palavras soltas e tento ordená-las
Vejo espaços vazios e tento preenche-los
Vejo versos que não são meus
Mas cabem dentro de mim
Vejo-me.
E quando penso em mim,
"Fecho os olhos de saudades..."

2 comentários:

  1. Me encanta tu rosa. Yo no entiendo de pintura pero la mezcla de distintas tecnicas pictoricas que le has dado me resultan bellisimas.

    ¡P r e c i o s o!

    Te mando un beso!

    ResponderExcluir